quarta-feira, 13 de julho de 2011

Sorteio das residências do programa minha casa, minha vida foi remarcado para o dia 07 de agosto.


Por Fabrícia Bogéa
Fotos: Alexandre Cunha
video


  

A nossa equipe de reportagem foi gentilmente recebida, hoje pela manhã (13), pelos encarregados, administrativo e de obra, Jurdino Almeida e Josué Ferreira, respectivamente, da empresa Amorim Coutinho Engenharia e Construção, responsável pela execução do conjunto habitacional nacional do programa “Minha Casa, Minha Vida” em Chapadinha.

Primeira camada de asfalto

 
De acordo com Jurdino Almeida, para a construção das mil casas foram utilizados 42 hectares de terreno. As residências estão distribuídas em dois blocos, A e B. Trinta e uma delas, são destinadas aos portadores de necessidades especiais. Cada uma foi construída numa área de 42 metros quadrados, possui dois quartos, um banheiro, uma sala e cozinha. 



Rampa de acesso a cadeirantes


Em onze quilômetros de ruas asfaltadas e cuidadosamente planejadas com sarjetas, meio fio e rampa de acesso (aos cadeirantes) o encarregado administrativo da obra nos mostrou ainda o sistema de abastecimento no local, são duas caixas d’água com capacidade para 200 mil litros, cada, e dois poços artesianos dispostos estrategicamente para atender a todos os moradores do conjunto habitacional.






Uma das caixas d'água de 200 mil litros















O local também vai abrigar uma creche, que receberá o nome do saudoso jornalista Jota Coutinho, e uma escola amplamente estruturadas, com salas de aula, banheiros, duas caixas d’água (com capacidade para 5 mil litros, cada),  pátio e cômodos para descanso dos professores. A contrapartida para a construção das unidades de ensino veio da Prefeitura de Chapadinha.  


Creche Jota Coutinho

Interior da escola

















Os benefícios que o programa proporciona ao município são inúmeros, além de reduzir o déficit habitacional, a economia também é impulsionada com a geração de empregos provenientes da obra. Para se ter uma idéia, a folha de pagamento da empresa é de 500 mil reais, ou seja, por mês, meio milhão de reais são injetados diretamente no comércio de Chapadinha.

fase de conclusão das casas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário: