sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Festejo do Bairro Terras Duras é encerrado com a coroação de Nossa Senhora da Conceição.

Um misto de tradição e fé tomou a todos que estiveram à missa solene na capela de Nossa Senhora da Imaculada Conceição, no Bairro Terras Duras. A missa celebrada pelo pároco, Manoel Neves, que chegou à última quarta-feira (07) de uma viagem a sua terra natal, marcou o encerramento do festejo em honra a padroeira de Portugal, que por sinal, também é do bairro, onde o padre construiu a primeira, das 19 igrejas, existentes em Chapadinha.
video


Entre as tradições mantidas até hoje, está à coroação da imagem pelo príncipe e princesas da festa, de acordo com Manuel Neves, o ato representa a devoção dos monarcas portugueses da dinastia de Bragança, soberana do Reino de Portugal, Brasil e Algarves - a santa, cuja coroa, não poderia mais ser usada por nenhum outro rei, a não ser Nossa Senhora da Conceição.

Outra revelação histórica relacionada à festa é a de que a área na qual foi fundada a cidade de Chapadinha teria sido uma doação da família Ferreira a Igreja Católica, que detém, inclusive, documentos que comprovam o gesto. Ainda segundo o Padre, como forma de retribuição pela proteção garantida à família, durante o período mais sangrento da história maranhense, conhecido como revolta dos balaios, ocorrido entre os anos de 1831 a 1841, o terreno foi doado para homenagear a santa, considerada também, como a primeira padroeira da Chapada das Mulatas e que posteriormente passou a ser Nossa Senhora das Dores, pelo fato de Brejo-MA, município vizinho ao nosso, tê-la como padroeira.  

Padre Neves falou ainda sobre a recente visita que fez a Portugal e das congratulações enviadas pelos missionários portugueses que já estiveram em Chapadinha e ainda, dos bispos de Coimbra, Braga e Porto que demonstram bastante admiração pelo povo chapadinhense. O Pároco finalizou a entrevista com a equipe do blog “Ações e Destaques” rogando a Nossa Senhora da Conceição bênçãos a todos os chapadinhenses. Ainda como parte do encerramento do festejo do bairro, centenas de fiéis percorreram em procissão as principais ruas da cidade carregando o andor com a imagem da Imaculada Conceição.



Por: Fabrícia Bogéa
Imagens: Alexandre Cunha
Edição de imagens: Raimundo Sousa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário: